Buscar
  • Luiza Avellar

Meu bebê está mamando bem?

Meu bebê está mamando bem?

Uma das dúvidas mais frequentes das mães é como saber se seu bebê está mamando bem e eficientemente. Isso acontece principalmente quando é o seu primeiro filho, pois a mãe não tem nenhuma experiência com amamentação e se sente insegura de diversas formas.

Claro que as visitas regulares ao pediatra (atualizado, de preferência) e o contato direto via WhatsApp que temos com eles nos deixam um pouco mais tranquilas, mas a maioria das vezes a ajuda de uma consultora de amamentação é fundamental.

Caso você não tenha tido a possibilidade de ter uma e esteja buscando se informar, algumas dicas podem te ajudar. Observe os seguintes sinais:

1. Fraldas de cocô – observe se seu bebê tem feito cocô todos os dias. Porém, não se desespere se não faz todo dia, outros sinais também devem ser observados, já que a falta do cocô pode ser sinal de um sistema digestivo ainda imaturo (bebês com muita cólica, por exemplo) e não de pouco leite.

2. Fraldas de xixi – se você está trocando de 6 a 8 fraldas de xixi por dia é mais um sinal de que seu bebê está se alimentando, mas não espere aquelas fraldas abarrotadas de xixi que vemos em bebês maiores. Uma fralda cheia de recém-nascido equivale a uma colher de sopa de agua, então você pode fazer o teste jogando essa colher na fralda e comparar com a do seu bebê. Você também pode comprar aquelas fraldas com a marcação que mostra quando está cheia. Lembre-se que a urina deve ser transparente e sem odor forte.

3. Ganho de peso – balança sobe e o bebê está dentro do esperado pelo pediatra (mais uma vez repito: atualizado). Lembre-se que cada bebê deve ser avaliado individualmente. Existem os bebês que são gorduchos desde sempre e bebês mais magrinhos e isso não necessariamente é sinal de que o desenvolvimento vai mal. Muitas vezes é o padrão daquela criança.

4. Você sente as mamas mais leves e vazias após as mamadas e o bebê acaba largando o peito relaxado, muitas vezes dormindo, como todos nós ficamos depois de uma bela refeição.

5. Você consegue notar a deglutição do bebê durante a mamada. Consegue observar a bochecha enchendo em um ritmo e engolindo (bochecha fazendo vinco pra dentro é sinal de que algo pode estar errado na pega e o bebê não conseguirá extrair tão bem o leite).

6. O tempo das mamadas varia muito. Podem durar 10 minutos ou 1 hora. Quando ficam mais tempo provavelmente estão fazendo mamadas não nutritivas e isso é muito bom. Mamadas não nutritivas são aquelas que o bebê está fazendo a sucção por outros motivos que não a alimentação. Seja por segurança, conforto, carinho, etc. Essas mamadas são fundamentais pro desenvolvimento psicomotor. O importante é que mamem de forma não nutritiva e também de forma nutritiva. Os que mamam mais rapidamente, observe apenas se não estão caindo no sono antes de estarem saciados, se estão com alguma dificuldade com a pega, o que pode estar cansando o bebê e fazendo-o adormecer antes do tempo. Menos de 10 minutos para um recém-nascido provavelmente ele mamou pouco e ineficaz.

Lembrando que todos os casos devem ser individualizados pois cada bebê é único e sempre vale a avaliação de uma consultora em aleitamento materno e de um pediatra atualizado para ajudar a sanar as dúvidas e ter certeza de que está tudo bem.


0 visualização
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook Black Round

Instagram: @materniza

Facebook: /espacomaterniza

Email: espacomaterniza@gmail.com

Tel: 21 99875-0848